O Canto do Arigó

Arigó, breve história

José Pedro de Freitas, Zé Arigó; nasceu em Congonhas, MG no dia 18 de outubro de 1921. Era filho de Antonio de Freitas Sobrinho e Maria André de Freitas. Casou-se com Arlete Soares Freitas e teve sete filhos. Era primogênito entre nove irmãos e trabalhou duramente na fazenda de seu pai, só fez o curso primário. Homem modesto, dotado de ...

Leia Mais »

Na prisão

Em 1964 ZÉ Arigó foi condenado pela segunda vez à prisão pela justiça do Estado de Minas Gerais, por prática ilegal da medicina. O Médium encontrava-se fora de Congonhas, sua terra natal e onde residia. Ao retornar tomou conhecimento da decisão Judicial e imediatamente se apresentou ao Juiz  para cumprir a pena, o qual disse que além de Congonhas não ...

Leia Mais »

Consolador

Quando se fala em Zé Arigó, se pensa que seu trabalho foi só de cura do corpo, mas não: Quem assim pensa, está totalmente enganado. Foi um trabalho muito mais abrangente, pois, além das milhares de pessoas que iam em busca de cura para as enfermidades do corpo, iam também aquelas que já nem mais sentiam prazer em viver pelos ...

Leia Mais »

A missão

O que fez com que Arigó se tornasse um dos assuntos mais emocionantes do Brasil foi sua própria vivência de homem que acreditou em alguma coisa e por essa coisa deu todos os seus dias de sorrisos e lágrimas. Morreu convencido de que foi vítima de preconceito e de que sua missão, imposta por Deus, era servir de instrumento à ...

Leia Mais »

Encantos da Mocidade

Mesmo quando já moço e integrado na sociedade e acontecia que em rodas de amigos alguém começava a contar anedotas pesadas, ele ouvia uma “voz” que o mandava retirar-se dali. E se ele pensava em alguma aventura amorosa – muito natural para a sua idade – vinha a “voz” que o advertia dizendo que devia afastar-se desse tipo de vida. ...

Leia Mais »